sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

O Passarinho Nasceu Livre



Este é um poema que aprendi e decorei na quarta série primária, na aula da belíssima Dona Nildete. Onde andará minha professora...?

O PARDALZINHO NASCEU LIVRE
QUEBRARAM-LHE A ASA
SASHA LHE DEU UMA CASA

ÁGUA, COMIDA E CARINHOS
FORAM CUIDADOS EM VÃO
A CASA ERA UMA PRISÃO

O PARDALZINHO MORREU.
O CORPO, SASHA ENTERROU,
A ALMA, ESSA VOOU
PARA O CÉU DOS PASSARINHOS

(Manuel Bandeira)

2 comentários:

  1. Também decorei esse poema la pela quarta série ..Sempre achei lindo :) Mas ele é do Manoel Bandeira se eu não me engano.

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, já corrigi! Estava com outro Cecília na cabeça... Há quinhentos metros...

    ResponderExcluir