quinta-feira, 22 de abril de 2010

Dia da Terra


'Índio já estava aqui', estava escrito no balão, no livro de Estudos Sociais, 'Nossa Terra, Nossa Gente'. A menina cursava a quarta série primária e lembrou de seus recentes antepassados, da Tribo dos Caetés, Nação Guarani.
Brasília comemorava seus 15 anos de existência. Em Brasília ainda não havia congestionamentos, e as cidades satélite ainda não tinham zonas de pobreza. Da corrupção, já instalada no Planalto Central, claro, não se falava: eram anos de silêncio...
Hoje é o Dia da Terra, e todos perguntam: o que fizemos dela...?
Hoje vou tomar uma atitude. Vou escrever para a imprensa uma denúncia sobre os congestionamentos do Sul da Ilha.
O planeta só mudará com atitudes, com consciência, com fóruns de discussão.
E não mudará tanto assim: O planeta está vivo e doente, e um dia, sabemos, ele terminará, como tudo que é vivo. E por enquanto, não está prevista a vida eterna para o planeta, nem uma reencarnação, nem ressurreição.
Tome uma atitude. Crie uma ação, AGORA MESMO.
Fotografia do Lajedo do Pai Mateus, em Cabaceiras, PB.