domingo, 12 de abril de 2009

Um trecho de Merceditas

Ouvimos 'Merceditas' no Rio Grande do Sul desde sempre, apesar de ser um 'chamamé' de origem portenha. Dentre tantas canções, Renato Borghetti a interpreta de forma magnífica com sua gaita ponto. Os dias de outono em Florianópolis combinam com os sons do acordeon...

'E como o vento errante nas coxilhas vai soprando

Um eco vago do meu canto

Vai lembrando aquele amor

Mas apesar do tempo já passado,

és Mercedita

A lembrança que palpita

Em minha triste canção.'

Nenhum comentário:

Postar um comentário