terça-feira, 31 de março de 2009

Finalmente, Leila Diniz


Para encerrar estas considerações sobre Leila Diniz, apresento uma frase definitiva, por Ana Miranda, do mesmo livro que venho citando. A foto que acompanha fiz na mesma Mendoza.

'(...) Fiquei pensando nos significados da existência de uma mulher tão feminina, de seios tão oferecidos, de alma tão disponível, mulher respeitável, desfrutável, uma musa,um enigma.'

Nenhum comentário:

Postar um comentário